Domingo, 17 de Junho de 2018

O Repórter

Fabrício Werdum vence e volta a pedir chance pelo cinturão

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação... - 19 de novembro de 2017 às 11:00
Divulgação

SYDNEY, AUS (OREPORTER.COM) - O brasieiro Fabrício Werdum voltou a brilhar no octógono do Ultimate Fighting Championship. na madrugada deste domingo (19), o "Vai Cavalo" derrotou o polonês Marcin Tybura na luta principal do UFC Fight Night 121, realizado no Qudos Bank Arena, na Austrália.

Werdum voltou ao octógono pouco mais de um mês depois de ter vencido Walt Harris, no UFC 126. Assim como no duelo anterior, ele pediu pela chance de disputar o título:

"Em primeiro lugar, esse país é incrível. Quero parabenizar o Tybura, é um grande lutador. Meu grande objetivo é conquistar o cinturão outra vez. Tenho dois em casa e quero mais um. No UFC, qualquer luta é difícil, mas acho que devo ser o próximo a disputar o cinturão", disse.

No duelo, Werdum tormou a iniciativa e levou vantagem no duelo em pé. Tybura chegou a mlehorar seu desempenho no segundo assalto, mas mostrou sinais de cansaço no round seguinte. No quarto, o brasileiro levou o duelo para o solo, levando vantagem. Na reta final do assalto, o polonês ficou de pé e partiu para o clinch. Werdum, por sua vez, tentou uma guilhotina, mas não houve tempo para encaixar.

O quinto round foi baseado na troca de golpes, mas sem nocaute. Por decisão unânime (50-45, 50-45, 49-46), a vitória ficou com o brasileiro.

Veja os resultados:

CARD PRINCIPAL
Fabricio Werdum derrotou Marcin Tybura por decisão unânime (50-45, 50-45, 49-46)
Jessica-Rose Clark derrotou Bec Rawlings por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Belal Muhammad derrotou Tim Means por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Jake Matthews derrotou Bojan Velickovic por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Elias Theodorou derrotou Daniel Kelly por decisão unânime (30-28, 30-27, 30-26)
Alexander Volkanovski derrotou Shane Young por decisão unânime (30-27, 30-26, 30-26)

CARD PRELIMINAR
Ryan Benoit derrotou Ashkan Mokhtarian por nocaute (chute na cabeça) aos 2m38s do 3º round
Nik Lentz derrotou Will Brooks por finalização (guilhotina) aos 2m05s do 2º round
Tai Tuivasa derrotou Rashad Coulter por nocaute (joelhada voadora) aos 4m35s do 1º round
Frank Camacho derrotou Damien Brown por decisão dividida (29-28, 30-27, 28-29)
Nadia Kassem derrotou Alex Chambers por decisão unânime (29-28, 29-27, 29-27)
Eric Shelton derrotou Jenel Lausa por decisão unânime (30-27, 30-26, 30-25)
Adam Wieczorek derrotou Anthony Hamilton por decisão unânime (triplo 29-28)

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: