Segunda, 22 de Outubro de 2018

O Repórter

Grupo E: Brasil tenta superar o trauma do 7 a 1 e vai em busca do hexa na Rússia

Costa Rica, Suíça e Sérvia são os adversários do Brasil na primeira fase

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Rafael Max - 13 de junho de 2018 às 01:19
André Mourão / MoWA Press
Neymar é o principal astro do Brasil

RIO (OREPORTER.COM) - Quatro anos se passaram desde a fatídica partida que eliminou o Brasil em casa na última Copa do Mundo. A derrota por 7 a 1 na semifinal contra a Alemanha traumatizou muita gente, mas a seleção verde e amarela tenta superar o passado para voltar a ser campeã mundial.

Ausente naquela semifinal devido a uma lesão na partida anterior, Neymar chega à Rússia novamente com status de principal nome do Brasil para a Copa. De lá para cá, muita coisa mudou na carreira do atleta. Após um título de Liga dos Campeões e um bicampeonato nacional, o atacante deixou o Barcelona e partiu para a França, onde assinou com o Paris Saint-Germain. O título continental não veio em seu primeiro ano de clube, mas a equipe francesa manteve a hegemonia dentro de seu próprio país.

Além disso, Neymar deu a volta por cima ciom a camisa amarela após faturar a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 2016, triunfando diante de um Maracanã lotado. Já nas Eliminatórias Sul-Americanas, foram seis gols marcados.

Quem acompanha Neymar no ataque é Gabriel Jesus. O atacante faz a sua estreia em Copas, cujo começo é com o status de astro. Em 2014, o atacante estava nas categorias de base do Palmeiras e era um mero espectador daquele Mundial. Alçado à categoria profissional, se tornou um dos nomes da conquista do Campeonato Brasileiro de 2016, gerando o interesse do Manchester City. Na Inglaterra, ajudou os citizens a faturar o título da última temporada da Premier League.

Jesus chega à Copa do Mundo com moral. Esteve presente na campanha vitoriosa na última Olimpíada e marcou sete gols nas Eliminatórias Sul-Americanas, sendo o artilheiro do Brasil naquela campanha. Em 2018 já são quatro gols com a amarelinha, incluindo dois nos amistosos recentes contra a Croácia e Áustria.

Os homens de Tite

O técnico Tite não abre mão dos seus homens de confiança para a Copa do Mundo. É o caso de Paulinho, que o acompanha desde os tempos de Corinthians. 

Paulinho vinha de uma atuação apagada na Copa do Mundo de 2014, além de não ter agradado os torcedores do Tottenham - clube para onde foi transferido após fazer sucesso no Corinthians. Foi redescoberto por Tite quando estava no futebol chinês e garantiu estabilidade no elenco titular. Mesmo atuando como volante, marcou seis gols nas Eliminatórias da Copa do Mundo. Além disso, conseguiu uma transferência para o poderoso Barcelona.

Além de Paulinho, Tite também não abre mão de Renato Augusto, outro ex-corintiano no elenco e que está no futebol chinês. No caso do meia, o jogador ainda disputa vaga entre os titulares da equipe verde e amarela.

Mais destaques

Bastante ativo no elenco é o nome de Willian. O meia do Chelsea chega para a sua segunda Copa do Mundo e traz como principal trunfo os bons passes para os atacantes brasileiros, como atesta em seus desempenhos nos dois últimos amistosos.

Já Philippe Coutinho estreia em Mundiais após ter sido esnobado por Scolari na convocação de 2014. Revelado no Vasco, o meia se destacou no Liverpool e está atualmente no Barcelona, no qual foi contratado no início deste ano.

Time base:

Costa Rica, Suíça e Sérvia

A Costa Rica supreendeu ao tirar a Itália na Copa do Mundo de 2014 durante a primeira fase. A equipe centro-americana traz novamente Keilor Navas no gol, que se transferiu e virou titular no Real Madrid após grande desempenho na edição do Brasil.

Primeiro adversário do Brasil na Copa do Mundo, a Suíça tem no meio de campo como principal destaque. Seus nomes mais conhecidos são Shaqiri, do Stoke City, e Xhaka, do Arsenal. 

Por fim, a Sérvia volta à Copa do Mundo após ter ficado de fora da edição anterior. Um dos nomes da equipe balcânica é Aleksandar Mitrovic, do Newcastle, autor de três gols na goleada em amistoso contra a Bolívia.

Tabela do Grupo E da Copa do Mundo de 2018

1ª RODADA

Domingo, 17 de junho

9h - Costa Rica X Sérvia (Samara)

15h - Brasil X Suíça (Rostov)

2ª RODADA

Sexta, 22 de junho

9h - Brasil X Costa Rica (São Petersburgo)

15h - Sérvia X Suíça (Kaliningrado)

3ª RODADA

Quarta, 27 de junho

15h - Sérvia X Brasil (Spartak)

15h -Suíça X Costa Rica (Nizhny Novgorod)

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: