Segunda, 16 de Julho de 2018

O Repórter

Impasse chega ao fim, e Merkel consegue formar Grande Coalizão

De acordo com mídia, diversos ministros já foram escolhidos

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação... - 07 de fevereiro de 2018 às 11:12
ANSA

BERLIM, ALE (ANSA) - Após mais de quatro meses de impasse, a Alemanha voltará a ter um governo formado pelos conservadores e os sociais-democratas, informa a mídia do país nesta quarta-feira (7).

Segundo os jornais, a chanceler alemã, Angela Merkel, conseguiu fechar o acordo com o Partido Social- Democrata (SPD), de Martin Schulz, e o anúncio da nova "Grande Coalizão" deve ser feito ainda hoje. Com isso, repete-se o governo que atuou no país entre 2013 e 2017, formado pela União Democrata Cristã (CDU), a União Social Cristã (CSU) e o SPD.

Apesar de ainda não confirmados, os cargos para os Ministérios também já foram definidos.

Com isso, de acordo com o "Spiegel", Schulz teria recebido o posto de chanceler, enquanto o social-democrata Olaf Scholz, prefeito de Hamburgo, assumirá o cargo de ministro de Finanças - cargo que pertencia ao conservador Wolfgang Schäuble. O SPD ainda levou o Ministério dos Assuntos Sociais, em nome a ser definido.

Já a CSU ficou com a pasta do Ministério do Interior, tendo indicado seu presidente, Horst Seehofer, para ser o titular do cargo. O partido de Merkel teria ficado com os Ministérios da Defesa e da Economia.

Os assuntos mais polêmicos e difíceis da tratativa, como a questão de uma reforma na saúde e dos imigrantes, foram acertados. Agora, a Grande Coalizão ainda precisará receber o aval dos partidos em assembleias.

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: