Sábado, 19 de Janeiro de 2019

O Repórter

Kickboxing: Vitor Miranda nocauteia paraguaio no WGP 52

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação... - 17 de dezembro de 2018 às 09:00

JOINVILLE, SC (OREPORTER.COM) - De volta à luta em pé, Vitor Miranda foi a grande estrela do WGP 52, realizado na noite deste domingo (16). O ex-UFC venceu o paraguaio Elias Rodriguez por nocaute, em duelo pela divisão dos pesados (até 94kg). No co-main event da noite, Julie Werner faturou o cinturão interino dos leves feminino ao nocautear a argentina Andre Salazar com um chute no queixo alucinante. Já Bruno Cerutti levou para casa o título brasileiro da CBKB dos leves ao nocautear Leandro Silva com um soco rodado.Ao todo, foram 15 lutas no evento

A luta principal do WGP Final Tour coroou o retorno a luta em pé de Vitor Miranda, que acumula passagens por UFC e K-1. Ele encarou o paraguaio Elias Rodriguez, 18 anos mais novo. O adversário fez jogo duro e conectou bons golpes em Vitor no primeiro round, que acabou equilibrado. No segundo assalto, o catarinense aumentou o ritmo e chegou até o nocaute com um belo cruzado, que levou o paraguaio à lona. Atuando pela quarta vez em sua cidade, Vitor Miranda foi muito festejado pelo público presente após o triunfo. 

No co-main event da noite o cinturão interino peso-leve feminino estava em disputa, já que a campeã linear Nina Loch não pode atuar por tempo indeterminado devido a uma lesão. A brasileira e atleta da casa Julie Werner encarou a argentina Andrea Salazar, que bateu a própria Nina na sua estreia no WGP em duelo sem valer o título. Depois de um início equilibrado, a brasileira foi tomando conta da luta, dominando o centro do ringue e conectando os melhores golpes. Do meio pro final Julie acertou um chutaço no queixo que derrubou a argentina. Com a contagem aberta ela não conseguiu se levantar, colocando fim ao duelo.Assim, Julie Werner garantiu o passaporte para encarar Nina Loch. 

WGP #52: Resultados oficiais

Main Card

Vitor Miranda venceu Elias Rodriguez por nocaute a  1min e 56seg do segundo round
Julie Werner venceu Andrea Salazar por nocaute a 1min e 25seg do quarto round
Bruno Cerutti venceu Leandro Silva por nocaute a 1min e 35seg do segundo round
Fabricio Zacarias venceu Renzo Martinez por decisão unânime
Amanda Torres venceu Dayane Córdova por decisão dividida
Rodolfo Cavalo venceu Thiago ‘Golden Boy’ Conceição por decisão unânime

Super Fights

Marcos Carvalho venceu Tiago Baader por nocaute a 1min e 22seg do primeiro round
Leandro Jobu venceu Nichollas Pestilli por decisão unânime
Matheus Portuga venceu Jeferson Silva  por nocaute aos 1min e 48seg do primeiro round
Rodrigo Teixeira venceu Jonathan Vendrame por nocaute aos 1min e 17seg do segundo round

Undercard

Dilamar Greschinski venceu Paulo Nadal por nocaute aos 2min e 58seg do primeiro round
Thalison Cruz venceu Ricardo Sasseman por decisão unânime
Luiz Henrique venceu Edson Pastor por decisão unânime
Vinicius Oliveira venceu Rafael Baader por nocaute técnico aos 2min e 59seg do terceiro round
Gabriel Motta venceu Felipe Macedo por nocaute aos 2min e 11seg do primeiro round
Jefferson Costa venceu Fernando Silva por decisão unânime
Vick Souza  venceu India Machado por nocaute aos 2min e 32seg do primeiro round
Maycon França venceu Fernando Aguiar por nocaute aos 2min e 57seg do segundo round

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: