Terça, 11 de Dezembro de 2018

O Repórter

Pedido de vistos aumenta 48% nos quatro países beneficiados pelo e-visa

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação - 03 de abril de 2018 às 20:26
Roberto Castro/ MTur
A solicitação de vistos para o Brasil apresentou crescimento em relação ao ano passado

BRASÍLIA (OREPORTER.COM) - O visto eletrônico tem se mostrado uma inciativa de sucesso para a atração de turistas estrangeiros. Em fevereiro e março, os dois primeiros meses que a medida entrou em vigor nos quatro países beneficiados – Austrália, Canadá, Estados Unidos e Japão –, a solicitação de vistos para o Brasil apresentou crescimento de 48,2% em relação ao mesmo período do ano passado. O número de autorização de entrada no país, de acordo com levantamento do Ministério das Relações Exteriores (MRE), saltou de 29.697 para 44.007.

Dos 44.007 vistos emitidos em fevereiro e março, 32.035 (72,8%) foram eletrônicos, os chamados e-Visas. Os americanos foram os que mais aproveitaram a facilidade, 23.472, seguidos dos australianos com 3.707 e-Visas. No terceiro lugar, aparecem os canadenses, com 3.161 vistos, e o Japão com 1.695.

Segundo projeção do Ministério do Turismo com base na média de gastos dos turistas desses quatro países, o crescimento identificado apenas em fevereiro e março deve injetar US$ 16,4 milhões a mais na economia brasileira na comparação com 2017. O primeiro beneficiado com a medida foi a Austrália, em novembro de 2017. Em janeiro deste ano foi a vez de Japão, Canadá e Estados Unidos contarem com a facilidade.

“Não poderíamos estar mais satisfeitos com o êxito dessa iniciativa que tem se mostrado cada vez mais acertada. Os números são muito positivos e terão um grande impacto na nossa economia. A ideia é que tenhamos um país cada vez mais aberto para o turismo internacional”, comentou o ministro do Turismo, Marx Beltrão.

E-VISA - A política de facilitação de vistos faz parte do Brasil + Turismo, programa criado pelo Ministério do Turismo para estimular o setor de viagens no país e que pretende chegar a 12 milhões de turistas estrangeiros em 2022. Com o visto eletrônico, o processo de solicitação e emissão da autorização para entrada no país dura, em média, 72 horas contra os 40 dias necessários anteriormente.

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: