Sábado, 15 de Dezembro de 2018

O Repórter

Polícia recupera 100 imóveis de conjunto do Rio tomados por criminosos

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação... - 09 de agosto de 2018 às 19:30

RIO (Agência Brasil) - Trinta pessoas foram presas e 100 imóveis recuperados pelas forças de segurança do estado em uma ação conjunta realizada hoje (9), no distrito de Guarus, em Campos dos Goytacazes, norte fluminense, contra o crime organizado que age na região. A Operação Integração teve a finalidade de cumprir 126 mandados de busca e apreensão em casas populares de sete diferentes conjuntos habitacionais da cidade.

No total, mais de 800 homens do Exército e das Polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal participaram da ação. A forças policiais destruíram também 10 barricadas colocadas pelos criminosos para impedir a entrada da polícia e apreenderam duas granadas, uma carabina e um revólver, munições para armas de diversos calibres, 20 quilos de pasta base de cocaína, além de uma moto e um carro.

De acordo com o Ministério Público do Rio, as casas populares, localizadas nos conjuntos habitacionais Codin, Eldorado, Novo Eldorado, Parque Aeroporto, Parque Prazeres, Parque Santa Clara e Santa Rosa, foram invadidas mediante violência e grave ameaça, de acordo com as investigações.

Os criminosos expulsaram os moradores de suas residências e invadiram os imóveis, chegando a executar os que resistiam à ação do grupo criminoso quando não eram atendidos. Os locais eram transformados em redutos para depósito de armas e drogas, ponto de venda de entorpecentes e abrigo de integrantes do crime.

Como a grande maioria dos moradores que teve as casas invadidas não prestou queixa à polícia, com medo de represálias, o MPRJ oficiou à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social de Campos dos Goytacazes solicitando a listagem dos pontos referentes às casas invadidas, para que o Poder Público pudesse agir em favor das famílias prejudicadas. Nos conjuntos habitacionais, moram entre 15 mil e 18 mil pessoas que viviam amedrontadas com a ação dos criminosos.

 Até o início de agosto foram registradas na delegacia de polícia de Campos (146ª DP), 154 vítimas de tentativas de homicídio e 120 vítimas de homicídio, todas com ligação com o tráfico de drogas.

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: