Quinta, 21 de Fevereiro de 2019

O Repórter

UFC: Marlon Moraes vence revanche contra Assunção; Aldo brilha com nocaute

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação... - 03 de fevereiro de 2019 às 07:00
Divulgação/UFC
Marlon Moraes venceu em Fortaleza

FORTALEZA (OREPORTER.COM) - O Ultimate Fighting Championship desembarcou em Fortaleza na noite deste sábado (2) e trouxe duas grandes lutas como atrações principais. No main event da noite, Marlon Moraes venceu Raphael Assunção em uma esperada revanche. Já José Aldo conseguiu um grande nocaute contra Renato Moicano. O UFC Fight Night 144 foi realizado no Centro de Formação Olímpica do Nordeste.

Assunção havia vencido Moraes em junho do ano passado. No duelo deste sábado, o pernambucano começou bem e conectou alguns golpes na linha de cintura do oponente. A resposta veio com um cruzado de direita do oponente.

No solo, Marlon Moraes dominou e conseguiu o que queria ao vencer com uma finalização aos três minutos e 17 segundos do primeiro round. 

Após a vitória, Marlon fez uma revelação supreendente: "Quase não teve evento principal, eu tive diarréia a semana inteira. Fui testado esta semana", disse.

Natural de Nova Friburgo, ó vencedor lembrou também que a cidade passou há oito anos por uma tragédia semelhante a de Brumadinho (MG) - o município mineriro foi atingido por uma queda de barragem que deixou mais de cem mortos. Por fim, ele manifestou o desejo pelo cinturão dos galos.

"Meus sentimentos a todas as vítimas de lá [em Brumadinho]. E quero dizer a todo mundo de Friburgo, eu amo vocês e eu vou pegar esse cinturão", prometeu.

Aldo brilha

Ex-campeão dos penas do UFC, José Aldo venceu Renato Moicano no co-main event da noite. O manauara teve superioridade no primeiro round e conseguiu um nocaute no assalto seguinte, com um golpe na linha de cintura e uma forte sequência para cima do adversário.

José Aldo consegue a sua segunda vitória seguida no UFC. Antes, o lutador havia perdido duas vezes diante de Max Holloway, ambas válidas pelo cinturão da categoria.

"Ninguém estava acreditando em mim, mas sabia que vocês estavam do meu lado. Essa vitória é nossa", comemorou o vencedor.

Resultados

CARD PRINCIPAL

Marlon Moraes venceu Raphael Assunção por finalização aos 3m17s do R1

José Aldo venceu Renato Moicano por nocaute técnico aos 44s do R2

Demian Maia venceu Lyman Good por finalização aos 2m38s do R1

Charles do Bronx venceu David Teymur por finalização aos 55s do R2

Johnny Walker venceu Justin Ledet por nocaute técnico aos 15s do R1

Livinha Souza venceu Sarah Frota por decisão dividida (28-29, 29-28 e 29-28)

CARD PRELIMINAR

Markus Maluko venceu Anthony Hernandez por finalização a 1m07s do R2

Mara Romero Borella venceu Taila Santos por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)

Thiago Pitbull venceu Max Griffin por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)

Jairzinho Rozenstruik venceu Junior Albini por nocaute técnico aos 54s do R2

Geraldo de Freitas venceu Felipe Cabocão por decisão unânime (30-27, 30-27 e 30-26)

Said Nurmagomedov venceu Ricardo Carcacinha por nocaute técnico aos 2m28s do R1

Rogério Bontorin venceu Magomed Bibulatov por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: