Quarta, 13 de Novembro de 2019

O Repórter

Botafogo e Flamengo ficam em pé de guerra após clássico

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Rafael Max - 08 de novembro de 2019 às 21:45 (Atualizada em 08 de novembro de 2019 às 23:03)
Alexandre Vidal/Flamengo
Botafogo e Flamengo jogaram no Nilton Santos

RIO (OREPORTER.COM) - O clássico entre Botafogo e Flamengo não terminou com o apito final. Os dois clubes trocaram farpas sobre assuntos dentro e fora de campo sobre a partida desta quinta-feira (7), que terminou com vitória por 1 a 0 para o rubro-negro.

A começar pelas declarações após o jogo. O técnico Jorge Jesus, do Flamengo, afirmou que o intuito do Botafogo foi "caçar" os jogadores do Flamengo em campo.

"Foi mais difícil na primeira parte porque houve uma 'caça ao homem' aos jogadores do Flamengo. A equipe do Flamengo é melhor do que a do Botafogo, até pela classificação. Para parar uma equipe você tem que ter argumentos técnicos e táticos. Não é essa forma de parar a equipe, não é dessa forma que o Botafogo vai sair da zona de rebaixamento. Fizeram 'caça ao homem', quiseram intimidar nossos jogadores. Não conseguiram", disse.

Alberto Valentim, do Botafogo, logo rebateu: "Jesus falou uma grande bobagem, devia ter ficado de boca calada. Nosso time veio para jogar, fomos aguerridos, estão de parabéns. Cuida do time dele, que está bem. Ninguém veio para bater ou caçar alguém. Gostei da equipe, foi um pecado tomarmos o gol. A expulsão [de Luiz Fernando] nos dificultou".

Violência

O clássico acabou marcado pela violência fora de campo. Houve confusão nas arquibancadas por causa da presença de rubro-negros no setor dedicado à torcida do Botafogo. Do lado de fora, houve confusão na entrada do estádio. 

Pelo Twitter, o Flamengo lamentou o ocorrido. "O Clube de Regatas do Flamengo repudia os atos de violência praticados na noite de ontem (07.11). É inadmissível a paixão do torcedor perder espaço para a intolerância desportiva, tanto dentro quanto fora dos estádios. Vestir a camisa do clube que ama não pode ser sinônimo de medo, e sim de orgulho. O Clube espera que as autoridades competentes identifiquem e punam os responsáveis pelas cenas de agressão, covardia e vandalismo".

O Botafogo também divulgou nota e lamentou os fatos ocorridos, mas acusou torcedores adversários de incitarem uma "invasão" aos espaços reservados aos alvinegros. O Botafogo FR lamenta profundamente os episódios de violência registrados no Estádio Nilton Santos e pela cidade do Rio de Janeiro.

"O Botafogo FR lamenta profundamente os episódios de violência registrados no Estádio Nilton Santos e pela cidade do Rio de Janeiro. O Clube aumentou em 100% o seu efetivo de vigilância, compartilhou os alertas com o Clube de Regatas do Flamengo e com BEPE, além de realizar campanhas e comunicados prévios em prol da segurança. Contudo, durante a semana, foram constatadas em redes sociais ações premeditadas de torcedores adversários postando ingressos e ameaçando uma "invasão" aos setores destinados aos torcedores alvinegros. O Clube tem sempre enorme respeito por seus adversários e vai continuar a promover e participar de iniciativas que busquem a paz nos estádios. O Botafogo se coloca à disposição das autoridades para ajudar no que for necessário", informou o clube, em nota.

Na mira da lei

A confusão no clássico pode custar caro para o Botafogo, mandante da partida. O procurador Felipe Bevilacqua, do STJD, já afirmou que o clube será enquadrado no artigo 213 (deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir". A multa varia de  R$ 100 a 100 mil, com proibição de até dez mandos de campo. O estádio Nilton Santos ainda pode ser interditado. O caso ainda será julgado.

Para alívio do Botafogo, não haverá tempo hábil para a interdição do estádio antes da realização da partida contra o Avaí, marcada para a segunda-feira (11), também no Nilton Santos.

Tabela

O Flamengo encerrou a rodada com 74 pontos, liderando o Campeonato Brasileiro com oito pontos de vantagem sobre o Palmeiras. Já o Botafogo segue com 33 e está em 17º lugar, abrindo a zona de rebaixamento.

A próxima partida do Flamengo está marcada para este domingo (10), contra o Bahia, no Maracanã.

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: