Quinta, 14 de Novembro de 2019

O Repórter

Colômbia vence a Argentina na Copa América; Venezuela e Peru não saem do zero

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Rafael Max - 15 de junho de 2019 às 21:15 (Atualizada em 15 de junho de 2019 às 22:08)
Thiago Bernardes/CA2019
Argentina e Colômbia se enfrentaram na Fonte Nova

RIO (OREPORTER.COM) - A Colômbia estreou com vitória na Copa América. Neste sábado (15), os Cafeteros derrotaram a Argentina por 2 a 0, na Fonte Nova. Zapata e Martínez marcaram os gols.

Em campo, a Colômbia não deu espaço para Lionel Messi brilhar. Os Cafeteros marcavam bem e anularam a Argentina e ainda tiveram as melhores chances no primeiro tempo. Martínez e James Rodríguez levaram perigo para o time albiceleste durante a etapa inicial.

Aos 39, Falcao García ainda tentou deixar a sua marca, mas fez um chute travado.

Na segunda etapa, os argentinos tentaram reagir. Paredes veio com um chute forte logo no primeiro minuto, mas mandou a redonda para fora.Aos nove, Messi partiu, deu uma caneta e acabou sendo bloqueado por Barrios. Já aos 13, Paredes chutou, Ospina deu o rebote, e Mesis chutou para fora.

Fazendo valer o ditado "quem não faz, leva", a Argentina acabou tomando o gol. Aos 25, Roger Martínez recebeu a bola de James e acertou um forte chute, sem chances d edefesa para Armani.

O segundo gol dos colombianos veio aos 40. Tesillo cruzou para Zapata surgir no meio za zaga adversária e marcar.

A ColÕmbia consegue os três primeiros pontos do grupo B, que ainda tem Paraguai e Qatar. Os colombianos voltam a jogar na quarta-feira (19), contra os asiáticos, no Morumbi. No mesmo dia, no Mineirão, os argentinos duelam com os paraguaios.

Venezuela e Peru empatam

No grupo A, o mesmo do Brasil, Venezuela e Peru não saíram do 0 a 0, na Arena do Grêmio. O Peru teve momentos de destaque, mas o time viu os seus gols serem anulados pelo recurso de vídeo.

Aos seis minutos, Gonzáles pegou um rebote e mandou para o gol. O VAR, porém, viu um impedimento, fazendo com que o árbitro Vilmar Roldán anulasse o tento.

Durante a primeira etapa, Cueva teve chance de marcar para os peruanos. Já a Venezuela teve uma única oportunidade aos 21, com Rondón, que acabou parando no goleiro.

No segundo tempo, mais um gol anulado na partida. Aos 17, Farfán marcou de cabeça, mas o VAR viu um impedimento, invalidando o tento.

O Peru manteve-se no ataque durante todo o decorrer do jogo, tendo chances com Gonzáles e Guerrero. A Venezuela ensaiou uma pressão na reta final, mas o placar ficou no 0 a 0.

Com o resultado, o Brasil larga na liderança do grupo A por ter vencido a Bolívia na sexta-feira (15). Venezuela e Peru aparecem logo atrás, com um ponto cada.

Nesta terça-feira (18), o Peru encara a Bolívia, no Maracanã. Já a Venezuela terá o Brasil pela frente, na Fonte Nova.

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: