Quarta, 28 de Outubro de 2020

O Repórter

Depois de nove anos, GP da Turquia está de volta à Fórmula 1

Organizadores anunciam as últimas quatro corridas da temporada 2020

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação... - 25 de agosto de 2020 às 16:08 (Atualizada em 25 de agosto de 2020 às 16:09)

RIO (Agência Brasil) - A Formula One Management – empresa responsável pela organização da Fórmula 1 – anunciou hoje (25) as quatro corridas que fecham a temporada 2020 com uma novidade. Os organizadores incluíram o Grande Prêmio (GP) da Turquia no calendário. O país não recebia uma prova da F1 desde 2011.

Em nota oficial, a F1 também confirmou o encerramento da temporada em Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos), como previsto inicialmente, e a realização de duas provas no Bahrein. Já o GP da China, marcado, a princípio, para abril e adiado no primeiro semestre, foi cancelado. Todo o cronograma do Mundial foi revisado, devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Por meio de Twitter, A F1 celebrou retorno da Turquia na competição.

O replanejamento da temporada 2020 do Circuito Mundial, em decorrência da pandemia, já havia incluído novidades, como o retorno dos GPs de Ímola (Itália) e Nürburgring (Alemanha), países que não recebiam provas desde 2006 e 2013, respectivamente. Também foram inseridas no calendário deste ano os GPs estreantes de Portimão (Portugal) e Mugello (Itália).

Com estas quatro provas adicionadas ao calendário, o campeonato mundial deste ano terá 17 provas no total. Até hoje (25) seis delas já foram disputadas. Na previsão inicial, antes da pandemia, os organizadores pretendiam realizar 22 provas. 

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: