Sábado, 04 de Julho de 2020

O Repórter

Estado de São Paulo tem queda semanal de mortes por covid-19

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação... - 29 de junho de 2020 às 15:40 (Atualizada em 29 de junho de 2020 às 16:33)
Sérgio Andrade/GOVSP

SÃO PAULO (Agência Brasil) - O estado de São Paulo apresentou, na semana passada, que corresponde à 26ª semana epidemiológica, uma queda no número de mortes provocadas pelo novo coronavírus. Segundo o governo paulista, o estado teve 144 mortes a menos na semana passada na comparação com a semana anterior [25ª semana epidemiológica].

“Houve queda de óbitos em relação à semana anterior. E isso é uma boa notícia. Houve diminuição de 144 mortes da semana que acabou em relação à semana anterior”, disse o governador de São Paulo, João Doria.

Segundo João Gabbardo, secretário-executivo do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, foi o menor percentual de aumento registrado em toda a série histórica, desde o início da pandemia. “Temos, na 26ª semana [epidemiológica], uma redução de 144 óbitos em relação a 25ª semana [epidemiológica], que foi a semana anterior. Isto traz como resultado o menor aumento percentual de toda a série histórica. Esta semana tivemos 14% de aumento e isso vem caindo gradativamente, de forma sustentada”, disse ele.

Casos e óbitos no estado

Até este momento, o estado de São Paulo registrou 275.145 casos confirmados do novo coronavírus, com 14.398 óbitos e 43.855 pessoas curadas após receberam alta médica. Segundo o governo paulista, tanto o número de óbitos quanto o de casos confirmados da doença estão dentro do que foi previsto pelo Centro de Contingência para o mês de junho.

Há 5.336 pessoas internadas em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) em casos suspeitos ou confirmados do novo coronavírus, além de 7.697 pacientes internados em enfermarias. A taxa média de ocupação de leitos de UTI para tratamento do coronavírus no estado está em 65%, enquanto na Grande São Paulo ela está em 66,6%.

Centro de Contingência

Doria anunciou hoje que Paulo Menezes, coordenador de controle de doenças da Secretaria Estadual da Saúde de São Paulo, vai assumir, a partir do dia 1º de julho, a coordenação do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo, hoje a cargo de Carlos Carvalho. A função, que é voluntária, é alterada a cada 15 dias. “Como todos sabem, fazemos o revezamento dos membros do comitê de saúde, quinzenalmente, para não sobrecarregar. Todos eles são médicos e tem suas funções acadêmicas e profissionais”.

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: