Quarta, 18 de Setembro de 2019

O Repórter

Gabriel Jesus pede desculpas após se revoltar por expulsão

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Rafael Max - 08 de julho de 2019 às 09:15
João Gama/OReporter.com
Gabriel Jesus marcou um dos gols na vitória do Brasil sobre o Peru

RIO (OREPORTER.COM) - Gabriel Jesus foi um dos destaques do Brasil na vitória sobre o Peru por 3 a 1, no Maracanã, que deu o título ao time verde e amarelo. No entanto, ele acabou expulso durante o segundo tempo e se revoltou bastante com a atitude do árbitro. Tanto que ele até socou a cabine do árbitro de vídeo antes de deixar o gramado.

O atacante disse que a expulsão foi injusta, mas reconheceu que a atitude ao sair de campo foi exagerada. "Foi um momento de raiva. Momento que mistura raiva, emoção e sentimento. Fui injustamente expulso, foi uma falta injusta. Peço desculpa naquele momento que acabei extrapolando. Fiquei chateado. Muita vontade de ajudar minha equipe. O juiz acaba errando. Não quero julgá-lo, mas ele deixou um pouco a desejar", disse.

Ainda assim, Gabriel Jesus comemorou o título conquistado no Maracanã. Para o jogador, trata-se de uma vitória importante diante da torcida brasileira.

"Muito feliz, tratando-se de uma final e em um templo como o Maracanã. Uma final com a camisa da seleção brasileira pude fazer um gol. Vai ser uma partida para nunca esquecer", festejou.

Alvo de críticas antes da Copa América, Gabriel Jesus disse que o título não veio para "calar a boca" de quem desconfiava de suas atuações em campo. Para o jogador, tudo foi fruto de muito trabalho.

"Não quero mandar calar a boca. Sou bem consciente sobre o meu futebol. Críticas e elogios vão vir com o tempo. Tento dar o meu máximo em campo", declarou o atacante.

Ouça a matéria:

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: