Sábado, 04 de Abril de 2020

O Repórter

Sete escolas abrem a programação do Grupo Especial na Sapucaí

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Rafael Max - 23 de fevereiro de 2020 às 06:00
Arquivo/EBC

RIO (OREPORTER.COM) - As principais escolas de samba do Rio de Janeiro desfilam a partir deste domingo (21). A primeira noite do Grupo Especial terá a presença de sete agremiações.

A defesa do título ficará a cargo da Mangueira, terceira escola a desfilar na Sapucaí. Cada agremiação terá de 60 a 70 minutos para apresentar o seu desfile.

A campeã e as outras cinco colocadas estarão no desfile das campeãs do sábado seguinte. Duas escolas cairão para a Série A, pertencente à Lierj.

Veja o que cada agremiação irá apresentar.

Estácio de Sá - Rosa Magalhães traz o enredo "Pedra", trazendo toda a variedade rochas e minerais através da história. Desde as pedras preciosas de Minas Gerais às rochas lunares trazidas pela expedição da Apolo.

Viradouro - Tarcísio Zanon e Marcus Ferreira assinam "Viradouro de alma lavada". A vermelho e branco de Niterói trará a história das Ganhadeiras de Itapuã, grupo musical que surgiu das lavadeiras do litoral baiano.

Mangueira - A verde e rosa mostrará o enredo "A Verdade vos fará Livre", de Leandro Vieira. Será uma alegoria sobre uma volta de Jesus à Terra.

Paraíso do Tuiuti - João Vitor Araújo apresenta o enredo "O Santo e o rei: encantarias de Sebastião". A escola de São Cristóvão traz um encontro entre Sebastião I, o rei portugu~es que desapareceu após uma batalha, e São Sebastião, o mártir que virou padroeiro do Rio de Janeiro.

Grande Rio - "Tata Londirá: o canto do caboclo no quilombo de Caxias" é o enredo desenvolvido por Gabriel Haddad e Leonardo Bora. Será um desfile contabdo a história de  Joãozinho da Gomeia, um babalorixá baiano que fincou suas raízes em Duque de Caxias, a cidade que é a sede da Grande Rio.

União da Ilha - "Nas encruzilhadas da vida, entre becos, ruas e vielas, a sorte está lançada: Salve-se quem puder!" é assinado pelo trio Fran-Sérgio, Cahê Rodrigues e Laíla. Será um enredo que vai abordar as promessas não cumpridas por políticos, além de mostrar as dificuldades do povo brasileiro.

Portela - Renato Lage e Márcia Lage mostram o enredo "Guajupiá, terra sem males!", sobre os índios que viviam antes da chegada dos portugueses.

Carnaval 2020

Fique por dentro das notícias do Carnaval 2020 seguindo as nossas redes sociais. Estamos no Facebook , no Instagram e no Twitter.

Você também pode falar conosco pelo nosso WhatsappOREPORTER.COM, Informação de verdade na Internet.

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: